Continuam abertas as inscrições para o 4° Prêmio Ministério Público de Jornalismo

Com um total de R$ 25 mil em prêmios, o Prêmio Ministério Público de Jornalismo chega a mais uma edição, firmando-se como uma referência para o a imprensa tocantinense. Neste ano, o prêmio conta com cinco categorias: Jornalismo Impresso, Radiojornalismo, Telejornalismo, Webjornalismo e Fotojornalismo, e a grande novidade é a premiação em dinheiro para os três primeiros colocados de cada uma, nos valores de R$ 2,5 mil (1º lugar), R$ 1,5 mil (2º lugar) e R$ 1 mil (3º lugar).

A premiação, que conta com o apoio do Sindicado dos Jornalistas Profissionais do Estado do Tocantins (Sindjor/TO), tem o objetivo de valorizar e estimular as produções jornalísticas pautadas pela defesa da cidadania. Para concorrerem, os jornalistas devem inscrever trabalhos produzidos em 2019 e que façam referência à atuação do Ministério Público do Tocantins em favor dos interesses sociais e individuais, nas áreas: criminal, patrimônio público, saúde, infância e juventude, educação, meio ambiente e urbanismo, combate ao crime organizado, combate à violência doméstica e familiar, direitos humanos e direitos do idoso, da pessoa com deficiência e do consumidor.

Para a presidenta do Sindjor/TO, Alessandra Bacelar, o prêmio estimula a produção jornalística com responsabilidade social. “Incentivamos os nossos jornalistas a contribuírem com uma sociedade igualitária e mais justa. O Prêmio Ministério Público de Jornalismo se torna mais importante a cada ano, atuando na valorização dos nossos profissionais e nós reconhecemos isso”, declarou Alessandra.

As inscrições podem ser feitas presencialmente no Edifício Sede do Ministério Público, em Palmas, até o dia 31 de outubro de 2019. Para mais informações, acesse: https://www.mpto.mp.br/premio-de-jornalismo/.

Menu